Sais Biliares, auxiliar na digestão

Sais biliares são normalizadores da digestão de lipídios (gordura). Os sais Biliares (ou ácidos biliares) são a secreção externa do fígado e consistem em ácidos orgânicos derivados do ciclopentanoperidrofenantreno, encontrados principalmente na bile e excretados no intestino delgado.

Sua função principal é facilitar a dissolução das gorduras para permitir sua degradação enzimática. Além disso, estimulam a proliferação das células das criptas intestinais, contribuindo para a manutenção da estrutura do epitélio intestinal. Em geral, utilizam-se associações de sais biliares com pepsina e pancreatina, para facilitar a digestão em pacientes afetados por diversos transtornos digestivos (dispepsia).
Os sais biliares tem a função de ajudar na digestão, ao quebrar as gorduras. Além disso, eles ajudam a absorver vitaminas lipossolúveis, como as vitaminas A, D, E e K e também eliminar resíduos.

Os sais biliares são os principais componentes orgânicos da bile. A bile é um líquido amarelo-esverdeado produzido pelo fígado e armazenado em nossa vesícula biliar. Uma disfunção biliar pode alterar a saúde do fígado, vesícula biliar, cólon e pele – levando à inflamação e ao acúmulo de gorduras e toxinas.

Os Sais Biliares tem sido comumente utilizados para:

  • Permitir a digestão e absorção de gorduras e nutrientes;
  • Suplementação fundamental para pessoas que retiraram a vesícula (colecistectomia);
  • Eliminar o colesterol e compostos tóxicos;
  • Controlar agentes infecciosos;
  • Promover vesícula biliar e função hepática;
  • Ajudar a dissolver cálculos biliares;
  • Ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue;
  • Desencadear a liberação da glutationa;
  • Eliminar bilirrubina (substância tóxica).

Você pode gostar...

Comentários no Facebook