Marmita fitness: aprenda como montar as refeições ideais!

O dia a dia é uma loucura, mas isso não significa que você precisa fazer as refeições correndo, em fast foods. Dá para se organizar e garantir uma alimentação gostosa e saudável. Como? Preparando uma marmita fitness.

De uns tempos pra cá, elas caíram no gosto de quem busca viver bem e sabe que, para isso, é preciso se preocupar com o que coloca no prato. É só se planejar para garantir aquela comidinha com todos os nutrientes de que você precisa. A vantagem é que você ainda consegue economizar, fugindo de restaurantes e lanchonetes.

Ficou interessado em adotar essa alimentação saudável? Então veja o que avaliar ao criar o cardápio, como montar e armazenar a marmita fitness!

Como montar o cardápio?

O cardápio deve ser elaborado com alimentos frescos, de forma que contemple os principais grupos de nutrientes. Caso você não tenha o auxílio de um nutricionista, pode montar uma marmita fitness equilibrada com:

  • uma proteína — carnes magras, peixes, ovos ou cogumelos;
  • um carboidrato — batata-doce, arroz integral, mandioca, abóbora, massas integrais;
  • uma opção de leguminosas — feijão, grão-de-bico e lentilha;
  • legumes e verduras para acompanhar.

Dê preferência para suas receitas preferidas, mas procure variar os ingredientes para não enjoar. Você pode fazer uma programação mensal em uma planilha, o que permite variar os pratos e também facilita na hora de ir ao supermercado em busca dos ingredientes.

Se a sua intenção é perder peso, adotar essas refeições saudáveis vai ajudar bastante na conquista do seu objetivo.

Como fazer e conservar a marmita fitness?

Você pode se organizar e ganhar tempo escolhendo um dia da semana, como o sábado ou domingo, para preparar as porções. Separe os pratos quentes e saladas. Quanto às folhas, lembre-se de secá-las bem para que não murchem e percam o frescor.

As refeições quentes podem ser congeladas logo depois de prontas, assim você evita qualquer tipo de contaminação. A vantagem é que os pratos congelados podem durar até 20 dias.

Porém, alimentos como macarrão, arroz, purê de batata ou mandioquinha não ficam com um sabor e consistência adequados depois de descongelados, por isso, se possível, prepare esses pratos na noite anterior. Já a salada fria pode ficar cinco dias na geladeira, o que torna o seu consumo bastante prático.

É importante colocar as porções em potes de vidros herméticos, pois o plástico, em contato com alimentos quentes, pode soltar substâncias tóxicas. Além disso, o vidro é mais prático para ser aquecido no micro-ondas.

Como transportar essas refeições?

Na noite anterior ao consumo, retire do freezer ou congelador as porções que vai utilizar e deixe descongelando na geladeira. Quando sair para o trabalho, coloque a salada e as outras porções em uma bolsa térmica. Lembre-se de levar os temperinhos da salada separados, assim o seu prato vai ficar mais saboroso. Logo que chegar ao local de trabalho, coloque a marmita para refrigerar.

Viu só como é fácil ser mais saudável com a marmita fitness? No começo pode parecer trabalhoso, mas com o tempo você se organiza e consegue preparar a maior parte das porções da semana de uma vez só, facilitando sua rotina.

Gostou das nossas dicas para viver melhor? Acompanhe outros temas como este — é só seguir as páginas da Medicinal Farmácia no Facebook e Instagram!

Você pode gostar...

Comentários no Facebook