O que é o Outubro Rosa? Entenda mais sobre essa campanha

Não é à toa que você deve estar se perguntando o que é o outubro rosa. Chega o décimo mês do ano e é hora de falar sobre o câncer de mama. Durante esses 31 dias, há um movimento mundial para conscientizar a sociedade sobre a importância da detecção precoce da doença. A ideia é aumentar as chances de cura, alertando as mulheres sobre os sintomas desse tipo de câncer, um dos mais prevalentes na população feminina. 

Quer entender a relevância dessa campanha que deixa as cidades mais bonitas com a iluminação de prédios e outros monumentos na cor rosa? Então não perca este post e descubra também as formas de prevenir o câncer de mama!

O que é o Outubro Rosa?

Trata-se de uma campanha para alertar sobre a necessidade do diagnóstico precoce do câncer de mama. O intuito é envolver toda a sociedade com informações a respeito dos sintomas e exames preventivos da doença e, desse modo, aumentar o sucesso do tratamento e, consequentemente, as chances de cura.

O movimento começou em 1990, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, com uma corrida pela cura desse câncer. Na ocasião, foram distribuídas as fitas ou laços rosas, símbolo do Outubro Rosa até hoje.

A iniciativa foi adotada por outras cidades norte-americanas e do mundo. No Brasil, ela teve início em 2002, em São Paulo. Mas foi só a partir de 2010 que o Instituto Nacional do Câncer (INCA) adotou a campanha, distribuindo materiais informativos sobre a causa em todo o país.

Qual a importância dessa iniciativa?

Conscientizar as mulheres sobre a necessidade de fazer a detecção precoce do câncer de mama é fundamental porque esse é um dos tipos que mais atingem esse público, perdendo apenas para o melanoma.

De acordo com o INCA, para 2019, são esperados 60 mil novos casos. É uma estatística alta que merece atenção de toda a sociedade. Atualmente, no Brasil, a taxa de mortalidade por esse tipo de câncer é mais baixa do que outros países, como Reino Unido.

O Outubro Rosa visa reduzir ainda mais a mortalidade pela doença, incentivando as mulheres a ficarem atentas ao próprio corpo e a realizarem os exames preventivos. Quando identificado precocemente, a taxa de cura é de 95%.

Como prevenir o câncer de mama?

Para se prevenirem, as mulheres devem fazer o autoexame das mamas uma vez ao mês, a partir dos 20 anos. O objetivo é avaliar se há a presença de nódulos palpáveis, áreas vermelhas, rugosidades na pele ou até saída de líquido do bico mamário.

A partir dos 40 anos, é necessária a realização anual da mamografia, exame de imagem que detecta lesões nos tecidos mamários em estágios iniciais. Dependendo da idade da paciente ou do histórico de doença na família, é preciso fazer o teste antes, que pode ser ou não complementado pelo ultrassom de mamas, de acordo com a recomendação médica.

Além disso, as mulheres devem adotar um estilo de vida saudável, com um cardápio nutritivo e balanceado, realização da atividade física regular, além de evitar o cigarro e consumir bebidas alcoólicas com moderação.

Agora você já sabe o que é o Outubro Rosa e a importância de participar dessa campanha mundial de prevenção. Lembre-se sempre que é possível lutar contra esse problema, realizando os exames preventivos e adotando hábitos mais saudáveis no dia a dia.

Vamos conscientizar mais pessoas em relação à necessidade da detecção precoce do câncer de mama? Para isso, compartilhe essas informações em suas redes sociais!

Você pode gostar...

Comentários no Facebook